pra não ficar na gaveta

segunda-feira, maio 29, 2006

 

Procura-se

I.
Meu medo é perder
Você com tantos planos
Mirabolantes maquiavélicos
Cheios de réguas.

II.
É por isso que ando cheia
De pressa, meio afobada
Mãos inquietas, cabelos
Presos, pés encolhidos
Muitos dentes na boca.
Não vejo a hora de chegar
A hora.

III.
Quero que você me quebre
A cara de cara.
Ou muito alto, postura
Engraçada, jeito de falar
Nariz pontudo, braços
Finos, maxilar largo
Pés desproporcionais.
Eu preciso de um sinal
Imediato.

IV.
Imediatamente.
Fotografia em preto-e-branco
Colada nos postes
Por toda a cidade
Há recompensa, ligar para
Urgente, procure.

Desaparecido, favor aparecer.

Comentários:
NOSSA!
muitomuito bom!
que ritmo, que lindo!
 
Achei A teus pés. Não resisti e comprei. Vamos nos ver? Ando precisado. Mil coisas. Beijo.

Ah, o texto é lindo, você sabe.
 
Postar um comentário

Assinar Postar comentários [Atom]





<< Página inicial

Arquivos

Março 2006   Abril 2006   Maio 2006   Junho 2006   Julho 2006   Agosto 2006   Setembro 2006   Outubro 2006   Novembro 2006   Dezembro 2006   Janeiro 2007   Fevereiro 2007   Março 2007   Abril 2007   Maio 2007   Junho 2007   Julho 2007   Agosto 2007   Setembro 2007   Outubro 2007   Novembro 2007   Dezembro 2007   Janeiro 2008   Fevereiro 2008   Março 2008   Abril 2008   Maio 2008   Junho 2008   Julho 2008   Agosto 2008   Setembro 2008   Outubro 2008   Novembro 2008   Dezembro 2008   Janeiro 2009   Fevereiro 2009   Março 2009   Abril 2009   Maio 2009   Junho 2009   Agosto 2009   Setembro 2009   Outubro 2009   Novembro 2009   Dezembro 2009   Janeiro 2010   Fevereiro 2010   Março 2010   Abril 2010   Maio 2010   Agosto 2010   Junho 2011   Dezembro 2011  

This page is powered by Blogger. Isn't yours?

Assinar Postagens [Atom]